top of page
  • Foto do escritorglowpopbr

Rapper PK se junta a Carol Biazin no single “Deixa”

Faixa, que chega hoje às plataformas digitais, mistura trap e pop em um lovesong 


Crédito: divulgação


O rapper PK se junta a Carol Biazin para lançar o hit “Deixa”, uma mistura de pop e sad trap, relatando o fim de uma relação que deixou marcas. Os erros e brigas fazem querer "deixar tudo como tá", mas o desejo do que só se tem com o outro é forte. Intenso e sentimental, o som mistura a sensualidade e melancolia no arranjo. Com produção de Donatto, a faixa vem acompanhada de um clipe intimista, que pode ser conferido no canal do YouTube do artista


“Eu já conhecia o trabalho dela e acompanho seu crescimento. Foi tudo bem rápido, fizemos o contato com a gravadora dela e prontamente recebemos o sinal positivo. Nos encontramos no estúdio e rapidinho a música saiu! Foi incrível!”, afirma PK. 


Na faixa, PK resgata sua essência, fazendo as misturas que sempre deram certo, seja no funk, pagode ou no pop. A faixa “Deixa” antecede o álbum previsto ainda para o primeiro semestre, que trará ainda outros feats


Cantor e compositor que ascendeu em meio ao competitivo cenário de batalhas de rimas, PK tem como referência o rap e o funk, mas bebendo de outras fontes como o samba e o pop. O artista começou a tomar notoriedade nas rinhas pelo Rio de Janeiro, especialmente na Batalha do Real e na Batalha do Tanque, em São Gonçalo, duas das mais famosas e disputadas. Hoje, o artista já soma mais de 1 bilhão de streams nas plataformas digitais.


Uma de suas faixas mais conhecidas é "Quando a Vontade Bater", maior música explícita da história do Spotify Brasil com mais de 200 milhões de streams, charteando em diversos países e fazendo o artista rodar os principais palcos do país, como o Rock in Rio, em 2019, e lhe rendendo três certificados de platina. PK também se destaca por suas parcerias, entre eles estão Belo, uma de suas maiores referências do pagode, com a música "Indomável", que soma mais de 100 milhões de streams e Luísa Sonza, com quem gravou "Tudo de Bom".


Carol Biazin é uma das grandes potências em ascensão no pop nacional. Com um álbum de estúdio e dois EPs, conquistou um público fiel em apenas cinco anos de carreira. Sua discografia conta com colaborações de Marina Sena, Baco Exu Do Blues, Gloria Groove entre outros artistas, onde soma mais de 25 milhões de reproduções no Spotify e mais de 100 milhões de views, entre videoclipes, covers e apresentações ao vivo. Em 2023, fez sua estreia internacional no Carnegie Hall, em Nova York, em uma homenagem à Bossa Nova, ao lado de grandes nomes da música brasileira.


Assista abaixo:



Deixa

PK e Carol Biazin


Deixa tudo como tá

A gente errou demais

Eu vou largar de mão

Você já largou faz tempo (2x)


De cabeça quente eu falei o que não devia

E você levou pro coração o que não esperava

Eu esperava a noite começar a virar dia

Pra ver se o cel vibrava com você no WhatsApp

Ei uh


Você marcou minha vida igual as marcas de mordida que eu fiz no teu corpo nu

Quando tu me pedia pra eu te controlar por cima

Na onda da garrafa azul, bombay 

Tu sabe coisas que eu ainda não sei

Já viu lugares que eu ainda não vi

Mas nunca te falaram o que eu falei


Deixa tudo como tá

A gente errou demais

Eu vou largar de mão

Você já largou faz tempo


Você pode até encontrar outra

Mas não vai ser outra que vai preencher o meu lugar

Pode procurar em ruas

Em bares, esquinas em vidas vazias

E o vazio ficar

Nem dormi pensando nela

Mas sonhei com você 

Dois vilões na mesma cena

Acordei, acordei em outra cama

Provei de outro corpo

Naveguei em mares pensando em Céus 

Queria voar, queria pousar no canto da sua boca, mas não sou só sua


Uuhhh

Você marcou minha vida igual as marcas de mordida que eu fiz no teu corpo nu


Deixa tudo como tá


Deixa tudo como tá

A gente errou demais

Eu vou largar de mão

Você já largou faz tempo (2x)


Comments


bottom of page